• Título


    Tudo que aconteceu em nossas visitas dominicais











  • Título


    Um dedo de prosa sobre nossa história











  • Título


    Galeria dos Doutores mais bonitos do Brasil











  • Título


    Divulgação, contato e apoio







terça-feira, 17 de outubro de 2017

Visita dia 15/10/2017


Oláaaaa, meu povo!
Que saudade docêis. Tudo certo por ai? Aqui no IC-DF só alegria. Pensa num povo animado, rapazz... 
Contar procês da nossa visita de hoje... Logo de cara descobrimos um segredão do Senhor Segurança, ele fica prendendo o vento do segundo andar, fica de mansinho encostado na parede pra espantar o calorão, recebendo o ar que vem do povo do segundo andar, só não me perguntede onde vem esse vento, temo pelas origens do mesmo....
Na UTI pediátrica visitamos 10 anjinhos, e lá conhecemos a princesa Helena, com apenas 4 meses, é uma alegria só, pulava tanto e mexia com os bracinhos que achávamos que fosse levantar da cama e sair correndo por ali...
Chegando na UTI coronariana reencontramos 10 amigos, mas hoje Seu  Carlos tava pra lá de assanhado, com a memória tinindo, nos contou todos os dados da filha, nome, CPF, endereço, mas na hora de passar os dados da conta bancária se recusou a nos dizer, é mole?! Ele tava todo metido também, porque tava com uma tatuagem nova na barriga, as enfermeiras fazem fila pra tatuar o nome na barriga dele.
Passamos também pela UTI cirúrgica, e lá tivemos uma notícia que alegrou completamente nosso dia, ficamos sabendo em primeira mão que haviam acabado de arranjar um coração novinho pro seu Chiquinho, e não é qualquer coração não, um coração mineirinho e ele que já é mineiro, diz que não larga o “uai” de jeito nenhum.
Logo depois, visitamos nossos 56 amigos da enfermaria, e lá rendemos papo viu, uma galera super animada e alto astral. Imaginem , eu  (Dra Risadinha) e Doutora Macha Lenta fomos eleitas doutoras mais bonitas do que a miss Brasília, isso tudo soubemos por Seu Edvar, que aliás  mandou avisar que continua irresistível...
Mas como nem tudo são flores, Seu Agenor reclamou do estilista do hospital, disse que há 80 anos, sempre andou alinhado com camisa social de manga cumprida, e agora o povo vem com essa moda de manga curta, ele disse que essas camisas não são tendências da última estação, e que disse ele entende.
Seu Zé, que já tem 80 anos de estrada, disse também que já ta bem entediado, e ta querendo mesmo é mudar de nome, pra esses nome bem xique e difícil, tipo Handerclesman ou Josephraddison.
Ahhh encontramos Aninha na enfermaria também, que está brincando de um novo jogo la no hospital um tal de faz e desfaz, um jogo bem complexo que só ela sabe jogar... Mas o mais interessante, é que Aninha, além de muito linda e sorridente, já fez tudo quanto é tipo de exame que vocês possam imaginar endoscopia, broncoscopia, enfim tudo que termina com pia, daí diagnosticamos o trauma dela, por isso ela odeia galinha, porque galinha pia...
Falando em galinha gente, na saída do hospital, encontramos vários parentes da Filó, a galinha de estimação do Doutor Vagalume. Estavam todos passeando pela portaria do hospital, mas acho que não por muitotempo, já que o povo de lá, adora um galo com pequi...
Então é isso pessoar, nós Andarilhos do Riso amamos cada vez mais, cada domingo que passamos com vocês. 
Hoje estivemos presentes: eu (Risadinha), Dra Macha Lenta, Dra Fofuxa e Doutor Pisca Pisca.
Tenham uma excelente semana e que Papai do céu guie o caminho de vocês!!!
Beijinhos com goiabada! 
Dra. Risadinha 

quinta-feira, 12 de outubro de 2017

Dia Das Crianças 2017


E a tarde foi só das crianças no IC-DF!
Os queridos doutores palhaços Dra Amora, Sr Berinjela e Dr Vagalume fizeram uma surpresa e foram levar umas lembrancinhas para os lindos pacientes mirins! Surpresa porque hoje não é domingo!
Foi uma linda e alegre tarde com esses pequenos guerreiros, com a mensagem que não devemos nunca deixar de sonhar como uma criança.


"Crianças deixam o coração mais forte, a casa mais barulhenta, a mãe mais sonolenta. A poupança menor, a noite maior. As roupas mais batidas, a tristeza mais contida, a família mais agradecida. O carro mais sujo, a sala mais bagunçada, a vida tão abençoada. A gratidão mais clara de ver, a oração mais fácil de crer, o caminho mais bonito a percorrer. O futuro melhor para sonhar, e a alma... A alma muito maior para amar." ❤

Feliz dia das crianças!

Um grande beijo dos Andarilhos do Riso

domingo, 8 de outubro de 2017

Visita do dia 08/10/2017



Chegou a rádio patroa para atualizar quem não viu a passagem sensacional dos Andarilhos do Riso pelos andares do ICDF.

E hoje foi dia de escala cheia, contando com a presença dos ilustríssimos Drs e Dras Berinjela, Fofuxa, Juquinha, Maravilha, Mindinha, Rosa Marrie, Sorriso, Vagalume, e da brilhantíssima, talentosíssima, amabilíssima Dra Siriguela, que a casa retorna após um descanso merecido.

Para aproveitar esse domingo conosco, estavam presentes 10 pequeninos na UTI infantil, 8 recauchutados na UTI cirúrgica e 10 corações amorosos na UTI coronariana. Encontramos também a enfermaria cheia, com 58 bonitos curtindo os cuidados de SPA.

Já desembarcamos nos quintos aproveitando a feira do rolo, do tanto de amostra de celulares para vendas naquele lugar. E como é feira, estava lá todas as primas de Aninha, fazendo confusão na entrada e atrapalhando o trânsito dos carrinhos das Donas Limpezas.

E que engarrafamento de carrinhos! Estava tendo comitiva no sexto andar, mas o Dr Vagalume, que trabalha no Detran nas horas vagas, não perdoou quem não achou vaga para estacionar e acabou parando ao longo do meio fio. Tinha até gente na contramão, vê se pode? O doutor deixou todo mundo com advertência, para não virar moda.

Mas sim, como dizia, as primas de Aninha estavam lá para ensinar a gente sobre árvore genealógica. Acontece que Aninha é prima da sua nova prima-irmã, uma vez que sua prima, que é prima da sua mãe, num gesto de muito amor e generosidade, doou-lhe um rim. Assim, a prima da prima da sua mãe, que é tia-avó da sua prima-irmã, junto com sua prima, que é tia bisa-avó de Aninha, estava lá para visitar a primaiada toda. Não entendeu muito bem? Nem a gente.
Encontramos também com Camille, uma menininha super talentosa que está passando as férias do Cirque du Soleil, onde faz mágica, lá no nosso IC. E, claro, Dr Berinjela precisou ir vê-la para aprender a fazer mágica de verdade, vez que aqueles truques que ele faz desde que vovó ainda era moça não enganam mais ninguém.

E, como é de rotina todo domingo, aprendemos várias dicas de como conquistar a pessoa amada, primeiramente com a Dona Lau e seu esposo, que foi herói na sua vida há 25 anos, quando à primeira vista, conheceu Lauzita em momento que ela mais precisava: seu carro dera pane no dia da formatura, indo seu José salvar a sua noite. Infelizmente, porém felizmente, quando o carro decidiu funcionar Dona Lau não tinha mais ânimo para ir para a dita formatura, mas em troca ganhou uma noite toda de conversa com seu José, até o sol nascer.

Aprendemos que essa coisa de carro pode dar certo para muita gente, já que Neuzinha estava lá com o maridão e nos contou que o conheceu quando estava a caminho da rodoviária. Ele, que estava de carro, disse que a viu na calçada e foi amor à primeira vista. Como não é bobo, na mesma hora ofereceu carona, mas Neuza não quis carona de desconhecido. Você acha que ele se deu por vencido? Claro que não! O maridão decidiu parar o carro ali mesmo onde estava e acompanhar a caminhada de Neuzinha. E olha que já são 14 anos de trouxa junta.
Falando em trouxa, o pobre do Juquinha foi expulso de casa ontem, porque ninguém tava aguentando a bagunça que ele faz na casa, e hoje estava de mala e cuia no hospital, procurando uma cama para revezar. Nos compadecemos e conseguimos um espacinho no quarto do Seu Castro, mais generoso que coração de mãe, para recebê-lo.

No fim, curtimos a paisagem do hospital: o pôr-do-soldando no mar de Brasília, lindo de se ver. E assim prosseguimos, até o próximo domingo, no mesmo horário e com as mesmas piadas (né, Undemberg? Todos de Anápolis).

Abraços fofos!
Dra. Fofuxa

segunda-feira, 2 de outubro de 2017

Visita do dia 01.10.2017


Marrapá! 

O Spa do IC-DF hoje tava bombando de celebridades. Cada uma com um gosto mais exótico que a outra.

Pra começar, descobrimos que Angélica tem estado entre nós todos este tempo: “Dra.Rapunzel”, dedurou a dona Maria já na saída do elevador. 
Como foi que não percebi antes? Aiaiai…

Nossa amiga Angélica, vulgo Dra. Rapunzel, acabou confessando que estava ali no Spa para uma reunião de negócios. Seu contrato de publicidade agora seria com a UBER. Inclusive alterou a música para: 

 “Vou de uber, você sabe, 
Tá mais barato, que o táxi...” 

Também conhecemos a dupla sertaneja Pedro e Paulo, que não perdeu a oportunidade de encontrar uma empresária nos corredores do IC. Muitos negócios! Mas o mais impressionante foi o seu Lino, que estava oferecendo seus serviços como garoto propaganda de bonés! Ele tem 73 anos e usa boné desde os 50. O apego é tão grande que só na malinha que levou pro Spa o moço guardava 15 bonés, pense! Tb confessou que na casa dele tem um paredão de bonés. Perguntei como ele conseguiu juntar tantos. Muito simples: “só aceito boné como presente!” Incrível, não?!

Outra celebridade que chegou chegando na parada foi o seu Jucilei. E o rapaz cismou que queria comer uma canja de galinha, dá pra acreditar? A pessoa me pede canja num Spa chique desses? A dona copeira falou que não tinha não. O homi ficou desnorteado! E fez a galinha de borracha de estimação avançar pra cima da moça. Mas que barbaridade! Estes bichinhos de estimação de celebridade são mucho lokos!

E os gostos exóticos não pararam por aí não. Seu Gerson confessou sua paixão por OVO! Isso mesmo. Disse que desde novinho a mãe fazia ele beber dois ovos crus toda manhã. Ecaaa. E o mais surpreendente desta história é que ao invés de traumatizado, o rapaz desenvolveu uma paixão por ovo tamanha que até no SPA é a única refeição que aceita. E ainda diz: três ovos por favor, que um é pouco! 

Agora doido mesmo foi quando seu Jucilei e seu Gerson se juntaram para discutir quem veio primeiro, o ovo ou a galinha? Aff, muita doidera pra um Spa só.

Mas não parou por aí não. Conhecemos o galã da UTI coronariana, seu Carlos, que nos confessou estar tendo problemas com as fãs. Uma delas, mucho loka, tinha esperado ele dormir para tatuar o nome dela na barriga do homi. Quando ele acordou tava lá escrito “Kamilla” com coraçõezinhos...que loucuraaaaaa!

Ao todo, entrevistamos 77 celebridades. Elas estavam hospedadas dentro da seguinte distribuição:

7 na UTI coronariana
10 na UTI pediátrica
6 na UTI cirúrgica
54 na enfermaria

Depois de tanto convívio com celebridade, ficamos todos nos sentindo estrelitasss! 
Tá acreditando na conversa, não?! Então pergunte às testemunhas desta tarde:


Dra. Rapunzel
Dra. Risadinha
Dra. Jurema
Dr. Pisca Pisca
e eu: Dra. Macha Lenta (isso mesmo, sem o “r”).

Beijundaxxxx e inté a próxima aventura!


terça-feira, 26 de setembro de 2017

Visita do dia 24.09.2017

Olá, olá, gente amiga dos Andarilhos do Riso! 
Chegamos para mais uma visita em ritmo de alegria e de festa que balança o coração. 
Ma ôe, vem você pra cá, vai você pra lá.

Começamos a visita pela UTI Pediátrica, onde cantamos todo o repertório da Galinha Pintadinha para as 10 crianças e bebês que estavam por lá.

 Na UTI Coronariana atendemos 8 pacientes, quase todos vindo da Caravana do Piauí.
Ao atendermos na UTI cirúrgica nos deparamos com um casal super jovem, casados há muitos anos, e o melhor: nos deram a receita de como ter um relacionamento duradouro, sem brigas: não se relacionando! Brincadeira, pessoal! Eles disseram pra gente que basicamente é ir muito em cachoeiras e sorrir muito. Claro, o Sorriso é a cura pra tudo! J Foram atendidos 8 pacientes no total.

Lá também conhecemos o Seu Jeferson, mas podem chamá-lo de Mr. Catra. Ele tem 32 filhos mas depois disse que são só 8, depois 9, cada mês aparece um filho novo, 11 ele sabe que são registrados. Se está confuso pra ele, imagina pra gente.

Conhecemos também o Jucilei, grande figura do IC. Nos recebeu super bem, dizendo que estava a vontade, que o ar condicionado estava bom, que seu time estava ganhando, que lá não tem família pra encher o saco e não precisa lavar um prato sequer estando no IC, vejam que maravilha! Nem quis receber a “alta”, queria que a “alta” voltasse outro dia.

No quarto ao lado encontramos a Chiquinha, mas não era a paciente e sim a enfermeira, mas acho que ela não gostou do apelido porque logo chamou o Dr. Juquinha de Nhonho e a Dra. Sorriso de filha do Professor Girafales! E não é que são parecidos?

 Percorrendo o corredor do lado direito de quem chega conhecemos a Dona Carmem (nome artístico), natural de Unaí, que é contadora de história! Ela falou que vai dar um curso para o os Andarilhos e nos ensinar a tocar violão, gado, porco.. Não entendemos direito como que funciona esse negócio de tocar porco. Seria o mesmo que tocar no Dr. Juquinha tirador de melecas no trânsito?

Pra finalizar essa visita, conhecemos a Dona Neide, que mora aqui e em Natal, disse que é super conhecida na terrinha e quem quiser hospedagem por lá, só chegar na feira de artesanato e procurar por ela que a hospedagem está garantida, viu?

Foram atendidos 52 pacientes na enfermaria.



Participaram dessa visita os doutores: Juquinha, Berinjela, Mindinha, Rapunzel, Jurema, Rosa Marie e eu, Dra Sorriso J 
Até a próxima, pessoal!



segunda-feira, 18 de setembro de 2017

Visita do dia 17.09.2017

Domiiiinnngo, eu vou ao Maracanã, quer dizer ao ICDF!

Olá pessoal! Mais um rela, de mais um belo dia de atendimento aos melhores pacientes do Brasil, quiçá do mundo!

Nesta maravilhosa tarde atendemos o total de 82 impacientes felizes, assim distribuídos:

10 banguelas na UTI Pediátrica;
10 descabelados na UTI Cirúrgica;
09 corações renovados na UTI Coronariana e
53 conversadores (as) na enfermaria.

E vou falando que ouvimos cada história nesta tarde, começando pelo Sr. Paulo José, grande filósofo contemporâneo, que tem um lema muito sábio:
"Quem não gosta de palhaço, não gosta de ninguém!"
Também escutamos o lema de vida da Dona Ildete:

 "Quem ama perdoa!"
 O Sr. Valdivino desvendou um grande mistério que estava deixando todos nós de cabelo em pé, descobriu o motivo do Dr. Tchan usar chapéu....
.......
.......
A resposta, de acordo como Sr. Valdivino, é porque o Dr. Tchan (e nós também) possui cabeça! kkkk é óbvio, mas não conseguiríamos chegar a esta conclusão se a ajuda desse paciente tão vivido.

Ah, nos deparamos com uma grande descoberta científica, dona Marice está confeccionando cuecas de tricô que podem ser utilizadas como método contraceptivo. De acordo com ela, basta o homem aparecer vestido o novo método que as taxas de gravidez despencarão.... hehehe se eu tivesse conhecido esse método anos atrás...

E assim finalizamos o dia, como muitas gargalhadas e histórias para contar!

Participaram da visita as Doutoras Rapunzel, Risadinha, Fofuxa e os Doutores Vagalume, Pisca-Pisca, Tchan e eu, Gravatinha.

Abraços e esparadrapos,

Dr. Gravatinha

segunda-feira, 11 de setembro de 2017

Visita do dia 10/09/2017

Bora meu povo aos relatos deste domingo...

Começamos pontualmente as 15:00 h com o Dr Berinjela orando por todos.

Como estávamos em sete, formamos duas duplas de dois e um trio de três.

Na UTI pediátrica, o trio formado pelo Dr Berinjela, Dra Maravilha e Dra Rapunzel, atenderam 10 pequeninos guerreiros.

Na UTI Cirúrgica, a dupla Dr Vagalume e Dr Juquinha atenderam 6 esperançosos pacientes;  e

Na UTI Coronariana, a dupla Dra Mindinha e Dra Marcha Lenta atenderam 10 determinados e resignados amigos.

Olha nóis aí:


A enfermaria estava com 54 pacientes e o grupo pode trabalhar bastante.

Encontramos em um determinado quarto o Seu Maroto, que nos ensinou que um homem de verdade tem que ter calo na mão... os casamentos na sua família tinham que ser avaliados pela bisavó, que só aprovava o rapaz se este tivesse calos nas mãos, como era cega, a verificação era feita pegando na mão do dito cujo, o bom é que esse teste dá certo viu! ele está casado a 53 anos.

O Dr “B” conseguiu uma pretendente, a Dra Maria Lucia, ela só não gostou muito do violão dele, achou muito pequenininho!!!

Neste domingo todas as Marias estavam na enfermaria do IC, teve um quarto em que as duas pacientes eram Marias! a acompanhante, Maria! uma visitante, Maria! a enfermeira, também Maria! até a médica, adivinham! Não, erraram!!! está era a Dra Carolina mesmo...

O Dr Juquinha, que está passando por um grande racionamento de água em sua casa, queria roubar todas as garrafinhas e copos d´água dos pacientes, tem até a prova do crime:


Encontramos a senhora Estelamar, que segundo ela o nome é devido ao fato que seu pai gostava muito de estrela do mar e por isso esse nome, bem criativo né?

O Sr Paulo elogiou demais nosso trabalho e disse que quem não gosta de palhaço não pode estar neste mundo, muito inteligente esse senhor...  

A dona Maria da Conceição nos deu um exemplo de vida, mais nova de 4 irmãs, sempre teve vários problemas de saúde porém, sempre foi a mais alegre e divertida da família, devido a essa simpatia e afinidade com os andarilhos, já está contratada para fazer parte do grupo!!!

O Vagalume fez uma boa ação neste domingo, evitou que o bebê da Doutora Monica nascesse com cara de pirulito ao dar um dos nossos docinhos mágico para ela, ainda bem, já pensou como seria um bebê com cara de pirulito dos andarilhos do riso?
   
Assim foi nosso trabalho deste domingo, com muito amor, entusiasmo e luz ⇩⇩⇩...



Forte abraço, com luz de Nariz para todos.


VAGALUME.

segunda-feira, 4 de setembro de 2017

Visita do dia 03.09.2017

Atenção, atenção que a palhaçada mais bonita (cof), mais bem vestida (cof cof), com as melhores piadas (cof cof cof)  e mais cheia de autoestima desse Brasil chegou pra contar mais um dia de visitas no aclamado ICDF! Neste último domingo, 3 de setembro, estiveram por lá, formando o time dos Andarilhos do Riso, falando aquele monte de baboseiras de sempre as senhoras e senhores doutores Marcha Lenta, Risadinha, Sorriso, Jurema, Pisca-Pisca, Pierre, Gravatinha e eu, o rei da swinguera, Tchan!

Ontem foi dia de ter uma belíssima aula de história com o Gravatinha. Ele falou das antiguidades, como o seu “tablet”, e a evolução da tecnologia no mundo. Tão pensando o quê? Aqui tem muita educação e conhecimento, além das piadas ruins, claro!

Por falar em história, o Maurílio tava treinando com a Dra. Fisioterapeuta e disse que vai pras olimpíadas de 2020, no Japão, pra competir em alguma coisa – num interessa qual – e entrar pra história. A gente só não entendeu se ele ia entrar pra história ganhando uma prova ou sendo o último colocado, mas tudo bem, o importante é competir!

E teve também a Dona Maria, que mora em Planaltina e quando a Risadinha disse pra ela que era pertinho, dava pra ir embora andando, ela surpreendeu e disse que já foi andando pra Europa e até pra Jerusalém. Depois ela explicou que era andando, mas andando de avião!

Lá pelas tantas, entre um andar e outro, ainda tivemos uma aula de alongamento com os visitantes que esperavam pra ver seus entes queridos.

Também teve o famoso caso do homem de Posse que não tem posse nenhuma. É que o Aluísio nasceu na cidade de Posse, em Goiás, mas ele disse que tá quebrado, não tem posse nenhuma. E eu me dei mal porque tava bem precisando de um empréstimo pra consertar o trio elétrico antes do carnaval.

Na parte de novos tratamentos, a Dona Marice aprendeu como se livrar de um fungo no pulmão: é só prender o nariz e soltar um pum, que o fungo sai junto. Eu nunca testei, mas diz a Dra. Sorriso que funciona mais que tomar suco de goiaba quando tá com dor de barriga.

E por fim, chegamos no quarto da Dona Darcy e conhecemos o Samuel, o novo rim dela que já tá batizado e feliz da vida ajudando ela a seguir em frente!

No total, foram 10 pacientes na UCO, 8 na cirúrgica, 8 na pediátrica e 58 na enfermaria que sofreram com nossa cantoria, piadas sem graça e os flatos do Gravatinha.

Até o próximo domingo!😄😄😄😄😃😃😃