• Título

    Tudo que aconteceu em nossas visitas dominicais

  • Título

    Um dedo de prosa sobre nossa história

  • Título

    Galeria dos Doutores mais bonitos do Brasil

  • Título

    Divulgação, contato e apoio

quarta-feira, 19 de julho de 2017

Visita do dia 16.07.17


E com friozinho que estava fazendo neste domingo, só a presença calorosa dos queridos Andarilhos do Riso para alegrar e aquecer a tarde dos nossos pacientes do IC-DF.

Iniciamos os trabalhos com uma bonita oração do Doutor Vagalume e já seguimos cantarolando rumo ao quinto andar.


Por lá, estamos tão famosos que a pequena Michaelly não ficou tranquila enquanto não tirou mil fotos e gravou 1321541354 vídeos com o doutores-palhaços mais charmosos desse mundão.

Outro paciente que ficou muito emocionado foi o senhor Renaldo que ao ver o Dr. Vagalume e a Dra. Sorriso perguntou: “ Nossa, já estou no céu? ” Também, com dois doutores-anjos desse adentrando o quarto dele, é de se entender não é mesmo????

Na enfermaria conhecemos o Sr. José, que segundo seu companheiro de quarto, é casado com Dona Pimenta. O Sr. José explicou que ele e sua amada formam o casal mais forrozeiro do Brasil inteiro e para continuar com o título precisou fazer uma pausa para uns pequenos ajustes, mas já, já estará novamente arrasando nas pistas de dança, ainda melhor do que antes!!

Atendemos também o Sr. João, que estava acompanhado de sua “patroa” como ele mesmo descreveu, dizendo que ela manda em tuuuuuudo, e que inclusive, mandou colocar nele um marca-passo para saber todos os passos que ele der daqui para frente!!

Outro fato marcante foram os acompanhantes do Senhor Clayton: Carol e Rodrigo. Eles formam um casal e Carol conta que Rodrigo a enrola há muitos anos para casar! O paciente Clayton disse que é casamenteiro e que conseguiria casar esses dois em breve! Dra. Fofuxa, ainda em busca de seu grande amor, falou para ele arranjar um noivo para ela também e propôs uma aposta: quem casar primeiro ganha pão de queijo para a vida inteira!!! E agora? Quem será que casa primeiro? Carol ou Dra. Fofuxa????? Ficaremos de olho!!!!!

Por fim, visitamos também a pequena Letícia, que distribuiu sorrisos e se encantou ao ganhar um narizinho vermelho e fazer muitas mágicas com o Doutor B.

Assim se findou mais um domingo abençoado e cheio de muita alegria e amor!


Atendemos 10 pequeninos na UTI pediátrica, 6 amigos na UTI Cirúrgica, 10 belezinhas na UTI Coronariana e 48 pacientes na Enfermaria. Estavam presentes: Doutora Sorriso, Doutor Berinjela; Doutora Fofuxa, Doutora Rosa Marrie, Doutor Vagalume e euzinha, Doutora Maravilha!!!

Uma semana MARAVILHOSA para todos vocês!
Até a próxima!



Dra. MARAVILHA.

segunda-feira, 10 de julho de 2017

Visita do dia 09.07.2017

“Domingo, quero te encontrar...” pois sim, pedido atendido, domingo é o dia de encontrar os palhaços mais queridos do Brasil no IC-DF.

E lá fomos nós... Logo de cara encontramos seu Adin, nos contou que nasceu de onze meses, siiim amigos leitores, disse que estava tão bom lá dentro que não queria sair, foi preciso uma puxadinha.
Andando mais um pouco topamos com Milena, que é filha da Dona Raimunda desde que nasceu, e nasceu lá em Fortaleza, mas que nunca visitou o lugar. Entenderam? Eu também não, mas deixa quieto.

E por falar em Fortaleza, encontramos tanta gente do Nordeste, um povo bonito, da pele boa, Dr. Pierre ficou só anotando as dicas de rejuvenescimento, não sei se funciona pra candango não, hein Doutor?!

E segue o fluxo, e com muita sinceridade o Cairo nos confessou que o Dr. Gravatinha não parece nem um pouco com o Luan Santana, eita menino com uma visão boa.

Bomba, bomba, bomba... recebemos algumas “reclamações” de que houve algumas perturbações no sábado à noite, tenho um palpite, Dona Maria Helena lá de Patos de Minas, disse que ama um forrózinho e que está morrendo de saudades de “rastá o pé no salão”, está ai meu palpite, mas é só um palpite mesmo gente.

Tivemos o prazer de conhecer uma pessoa completamente globalizada, segundo ela, possui um sobrenome italiano e outro turco, Dona Mariceleda Barboza Mazzila (italiano) e o nome turco não sei escrever, minhas aulas de turco ainda não começaram. Ficamos curiosos pela origem do primeiro nome, mas esse é um mistério, ninguém sabe de onde veio, nem mesmo quem a registrou, mistéééério, e detalhe ela possui um marido mineiro made in Paraguai, um mineiro que não gosta de queijo, acreditam? Nem eu!

Depois encontramos Cláudia Milk gata, seu marido nos confessou que eles possuem vinte anos de casado e 19 de cama, só arregalamos os olhos e deixamos quieto de novo, afinal, somos palhaços mas somos discretos, hahaha.

Por fim recebemos um convite mara, Dona Maria, que mora no meiozinho de Goiás, nos confessou que ama cozinhar, mas que não tem ninguém pra comer. Aaah Dona Maria, chama a gente, não deixaremos a senhora decepcionada.

Neste domingão de quase menos quinze graus, tivemos:
  • 9 lindezas na UTI Cirúrgica
  • 8 maravilhosos na UTI Coronariana;
  • 10 gracinhas na UTI pediátrica;
  • 56 belezuras na Enfermaria.

Contamos com a ilustríssima presença dos Doutores: Pisca-Pisca, Pierre, Gravatinha, Tchan, Rapunzel, Marcha Lenta, Risadinha e moi Jurema.

Até a próxima galera, Beijão! 


domingo, 2 de julho de 2017

Visita do dia 02/07/2017

Então vamos lá, mais um relatório do nosso maravilhoso trabalho...

Neste domingo começamos com uma bela oração do querido e amado Dr Gravatinha, pontualmente as 15:00 h e logo partimos para o atendimento.

Estava presente a Doutora mais alta, a mais desejada de todos pacientes! Todos clamam pela “Alta”, Doutora Sorriso! Estava também a Doutora super-herói, Maravilha; a verdadeira Doutora, Fofuxa; o ilustre violeiro, Doutor Berinjela; a mais nova Doutora, Rosa Marrie; e eu, Doutor Vagalume, que acende o nariz, sempre é bom lembrar!!!


Formamos duas duplas de dois e um trio de três, prontos para espargi, “espargi foi boa né?”, alegria para todos do IC...


Na UTI pediátrica encontramos 10 pequeninos guerreiros, na UTI Cirúrgica tinham 10 esperançosos pacientes e na UTI Coronariana estavam 6 determinados amigos, todos com muita fé na recuperação... Com certeza em breve estarão em casa, são e salvos e livres das nossas palhaçadas!

A enfermaria estava com efetivo pleno, 52 pacientes extremamente, digamos assim, interessantes!!! Vamos aos relatos:

Encontramos em um quarto uma dupla de músicos, que são irmãos, que são Russos, que um se chama суббота, que significa sábado em Russo (pesquisei no google tradutor), porém eles ensaiam somente nas sextas, interessante isto né, para não dizer inusitado...

Preciso relatar um fato ocorrido hoje, Deus me livre de fofocas, mas o Dr Gravatinha agora está mudando as classificações das músicas, ele disse os pacientes que os Titãs tocam Modão Sertanejo, se descobrirem isto vai dar problema para nós, já estou avisando, pois quem avisa amigo é!!!



O Dr Vagalume não foi muito feliz com o Senhor Manoel, o homem é matuto e não estava para brincadeira, disse que sua terra, Ilhéus, não é pequena como havia afirmado o Vaga, falou também que o tamanho da cidade quem faz são as pessoas e que muitos estudiosos, que dizem saber tudo, só falam besteira para aparecer, disse que ele conhece as coisas por experiência de vida, etc, etc, etc, enquanto isso o Dr Vagalume continuava dando corda pro homem falar... A Dra Sorriso quase morre de tanto rir!

Encontramos também a Dona Maria, que acordava, ficava 5 segundos com o olho aberto, depois dormia mais 5 segundos, depois acordava novamente e assim foi durante um bom tempo, até entendermos que o melhor era deixar ela descansar em paz, sem nossos incômodos...

E para fechar, descobrimos que a Dra Fofuxa pegou um rolo de lã, sabe lá de quem, e colocou em sua estratégica mala com alça... Segunda a meliante, ela está fazendo tricô, mas na hora dos atendimentos??? Ficou a dúvida! Segue foto para comprovação do crime...

 

Assim foi o trabalho deste domingo...

Forte abraço, com luz de Nariz para todos.

VAGALUME



segunda-feira, 26 de junho de 2017

Visita do dia 25.06.2017


Daleeee minha gente!

E nosso domingão, é claro, foi de festa de São João no IC-DF, com direito a cavalgada, olho de gato, Pipoca, forró, santo casamenteiro e Nicolas Cage! Acreditaaa não?! Carrrrma que nóix já conta o porquê!

A festa tava boa demais da conta, sô! E a primeira barraca que passamos foi a das irmãs forrozeiras, Val e Pipoca. Elas garantiram a animação da galera contando seus causos da infância no Rio Grande do Sul – tchê! E a Pipoca foi logo dedurando que a dona Val era um perigoooo para a rapaziada. Não é à toa que ela ia colocar um marca-passo nos próximos dias, pra ver se endireitava os passos da moça dali em diante. Mas que barbaridadeeee!

As gaúchas estavam adorandooo o friozinho da nossa tarde de São João, ao contrário da dona Jaciele de Palmas, mamãe e filha do Joaquim – sim, o pai dela se chama Joaquim e o filho também – que estava ansiosa para voltar para o calor de sua terra!

E o amor estava mesmo no ar nesta linda tarde! Na barraca do seu “Jão”, um galã de 90 anos, estava rolando uma venda de conselhos amorosos. Quando fomos lá, ele confessou o seu maior truque para abalar os corações nas festas juninas: “tem que usar um belo chapéu!” – contou ao Dr. Pierre, que não perdeu tempo pra anotar a dica!

Não foi só o Dr. Pierre que ganhou conselho para desencalhar, não! A Dra. Rapunzel praticamente arranjou um pai na barraca do Sr. Nivaldo Santo Casamenteiro, e a conversa deles mais parecia aquela música dos Trapalhões:

"...Papai eu quero me casar
Pois minha filha ocê diga com quem
Eu quero me casar com o cobrador
Com cobrador ocê não casa bem
Por que papai?
O cobrador leva o dinheiro dos outros
Se ocê casar, vai levar o seu também..."

E aí vocês podem imaginar toda a ladainha, até que o santo deixou seu nobre conselho no arrrrr: “case-se com um Arquiteto”. Annnnn? Entendi nada! Mas eu não sei se dá para levar o Sr. Nivaldo muito a sério não. Ele disse que colocou o nome do filho de Nicollas (com 2 “Ls”) em homenagem ao galã de Hollywood, Nicolas Cage. Mas também disse que não suporta o ator. Dá para entender? E não venham me dizer que eu não entendi porque meu nome é Marcha Lenta! Affff.

Bueno, além das histórias de amor, também teve história de terror. O Dr. Coalhada e a Dra. Maravilha se encantaram nos olhos da dona Maria...até ouvirem sua história macabra! Ela confessou que tinha olhos de gata, e isso não foi um autoelogio não! Credooo! Não vou nem continuar a história, porque dá azar!

Mas o auge da nossa festa Junina foi a cavalgada da Dona Larissa. Ela saiu fugida da festa com seu cavalo imaginário, o Pavão (mas que baitaaaa calda ele tinha)! E ela quase levou de carona o Sr. Mineiro desconfiado. Tentou convencê-lo de todo jeito que seria bom para ele fugir com ela, mas o homi disse que só ia embora da festa quando tivesse 105% (sim, cento e cinco por cento) de certeza de alguma coisa, que eu não entendi muito bem (novidade eu não entender alguma coisa, neh?!). Bom, eu aposto mesmo é que ele tinha alguma aposta com a Dona Apostadeira. Essa dona apostava tudo. Inclusive apostou a filha com a Dona Tricotadeira, na nossa frente! Sorte que ela ganhou a aposta, e junto com ela uns sapatinhos de tricô feitos na hora pelo Dona tricotadeira mesmo. Que coisa mais chique essa nossa festa!

Eu não falei para vocês que nosso São João tinha sido top das galáxias? Mas se não acreditarem ainda, podem perguntar para toda essa lista de testemunhas:

- Dra. Rapunzel, Dra. Maravilha, Dra. Risadinha, Dr. Pierre, Dr. Coalhada e eu (Dra. Marcha Lenta)

- 10 anjinhos da Uti Pediátrica
- 10 amiguinhos da Uti Cirúrgica
- 9 amiguinhos da Uti Coronariana
- 49 amiguinhos da enfermaria!


Domingo que vem tem maissss São João, minha gente! E vocês podem acompanhar tudinho por aqui.

Bejundasxxx da Dra. Marcha Lenta

segunda-feira, 19 de junho de 2017

Visita dia 18/06/2017


E aí meu povo, no final de semana entre o "Dia dos Namorados e o São João", claro que o domingão só podia ser cheio de amor e música, aliás o forró foi o ritmo mais tocado pelos Andarilhos do Riso nas paradas de sucesso do IC/DF.

Começamos a nossa tarde com uma linda oração feita pelo Dr. Berinjela ou seria Beringela? Nunca sei como o pai desse menino batizou ele, com "j" ou "g", mas para não ficar errado, vou abreviar para Dr. B. 
P.S: Fui procurar no pai dos burros e descobrir, olhem aí:
Beringela ou Berinjela. As duas formas existem na língua portuguesa e estão corretas. A forma correta de escrita da palavra no português do Brasil é berinjela e a forma correta de escrita da palavra no português de Portugal é beringela.

Então, continuando, após a nossa linda oração, seguimos leves e saltitantes (ops, nem tão leves, mas bem saltitantes...kkkk) para nossa jornada.
E como sempre, tanto a recepção do térreo como do 5º e 6º andar estavam lotadas de fãs esperando os doutores mais lindos do Brasil, quiçá do Mundo..... os Andarilhos do Riso!!! 

Para começar nossa primeira missão foi resolver o problema do Sr. Eli que está na Uti há uma semana esperando alta pra ir para a Enfermaria, ora essa foi fácil demais, chamamos a Dra Sorriso (com seus quase 2 metros de altura) e pronto... Falamos pro Sr. Eli que a alta chegou.... kkkk.....
Ele ficou numa felicidade só..... Mas parecia que não era só isso, então entraram em ação os doutores palhaços mais investigativos do Brasil, que descobriram que o Sr. Eli não tinha tido alta ainda porque ele era o xodó do pessoal da Uti Cirúrgica, e ninguém queria deixar ele ir pro quarto na enfermaria.... kkkkk.... nada como ser querido, né gente!!!!


Já o Sr. Alexo estava todo feliz porque estava recebendo a visita de sua mãe, filha, tia e etc, etc, etc... (era gente que não acabava mais)... E de novo com o faro investigativo, descobrimos que parece que a família dele é dona de uma distribuidora de bebidas em Uberlândia e daí ele foi logo convidando os Andarilhos para comer pão de queijo e beber uma, ou melhor umas...kkkk... A festança será para toda a palhaçada, ops, para os Doutores Palhaços mais bonitos do IC.... Sério! Confere na foto aí do lado, só tem palhaçada buiiiita!!!! kkkkkkk

Encontramos também o Francisco Hélio, que nos contou que foi de jegue, navio e golfinho pra Rússia (acho que ele foi assistir à Copa das Confederações), calma que eu explico!!!! Primeiro ele foi de jegue até o Rio Grande do Norte, depois ele pegou um navio até pertinho da Rússia e quando já dava para avistar a terra (terra à vista) ou melhor golfinhos à vista, o Sr. Francisco Hélio pulou na água e foi nadando com os golfinhos até chegar em terra firme.... Oh cabra arretado, esse moço!!!!kkkkk


D. Silveria (isso mesmo, tá certo), de Matutina, oxi será esse o nome da cidade dela mesmo? Daí maus uma vez entra em ação os nosso detetives e após investigação, descobrimos que sim, tá certíssimo!!!  Ela nos informou que o nome "matutina" significa estrelas e fica em Minas Gerais. Olha aí gente, Andarilhos do Riso também é cultura!
Agora falando em amor, encontramos dividindo o mesmo quarto um flamenguista e um vascaíno, com a amizade já estabilizada, que não tem futebol nenhum que abale!!! e pra confirmar, a música cantada no quarto foi..... "É o amor"...!!!! Foi isso mesmo produção???? 

Na Uti Infantil encontramos o Joaquim, que estava completando um mês.... foi uma festança só, com direito a Parabéns e tudo mais!!!!

E tinha a pequenina e espertinha Sara, que recebeu a nossa visita na Uti Pediátrica e quando chegamos na Enfermaria, adivinhe quem estava lá nos esperando, isso mesmo, a linda Sarinha.... claro que ganhou música novamente, né gente!!!!

Encontramos também a D. Maria, que assim que entramos no seu quarto não deixou a gente falar nadinha de nada, pegou o celular e telefonou para o marido que tinha acabado de ir embora e foi logo ordenando..... volta marido, os palhaços chegaram.... e não é que o marido voltou rapidinho.... chegou ligeiro que nem vendaval... eita que mulher braba!!!!kkkk  Foi então que o maridão nos contou que adora cantar e em casa faz dupla com o papagaio... hum, esquisito, será isso mesmo??? Dupla com o papagaio???? Kkkkkkk.
Sendo assim a Siri e o Berinjela ficaram à vontade para desafinar, pois não era possível que iriam perder em afinação para o papagaio...kkkkk.... Vixi não vou nem perguntar se ganharam???? kkkkkkkk

A tarde foi completa com os nossos fãs mirins nos seguindo em toda parte, o Bryan, a Letícia, o Miguel e como prêmio, além de muita música e mágica, ganharam bolinha de sabão!!!


E para finalizar não poderíamos deixar de mostrar o traje novo da Dra. Fofuxa, ficou só o ouro!!!

Atendimento especial hoje foi para os mais lindos pacientes do IC/DF:

Uti Cirúrgica: 7
Uti Coronariana: 7
Uti Pediátrica: 9
Enfermaria: 52

Participaram da visita: Drs. Berinjela, Pierre e Tchan, e as Dras. Sorrisso, Fofuxa e euzinha, Siriguela.

Beijos e até a próxima visita.

Dra. Siriguela

terça-feira, 13 de junho de 2017

Visita do dia 11.06.2017

"Eu não vou negar que sou looouco por você....."

O amor mais uma vez estava no ar e sendo celebrado pelos pacientes, acompanhantes e funcionários do no IC-DF.

Sim, no domingão todos já estavam no clima do dia dos namorados...

Para começar informo que atendemos 8 coraçõezinhos cheios de amor na UTI Cirúrgica, 8  apaixonados na UTI Coronariana, 10 pombinhos na UTI Infantil e 53 amantes da vida na Enfermaria.

O clima estava tão bom com o dia dos namorados, que o clima de amor deixou a lixeira da UTI Infantil Calminha, não acreditam??? Vejam a prova....

Conhecemos uma família de nome muito estranho, senhora Eunice que tem como filha a Tunice e como neta a Vosnice.... (entenderam ou não entenderam????kkk) todas cantoras excelentes!

Faço aqui um esclarecimento e um informe para que os doutores e doutoras desfaçam as malas da viagem que tínhamos para fazer a cirurgia em Salvador, pois o Salvador veio para Brasília e o procedimento vai ser aqui mesmo, pena porque já tinha colocado o meu macacão de palhaço de praia :(

Tem uma ótima notícia para todos nós, o nosso querido Dr. Berinjela aprendeu, finalmente, a fazer mágicas. A linda Letícia ensinou nosso médico-palhaço-leguminoso a realizar 4 novas mágicas, sendo assim agora ele consegue fazer sem erros exatamente 4 mágicas.

Não posso deixar de lembrar do Óliver, que a cada movimento dos doutores ele respondia com uma gargalhada, com palmas, movimentos do boneco-do-posto etc...kkkk Muito animado e feliz! Temos certeza de que receberá visita da "alta" muito em breve.

Participaram deste domingo véspera do dia dos namorados, as seguintes cupidas e cupidos:

Drs.: Berinjela, Pisca-Pisca, Coalhada, Vagalume, Tchan e Gravatinha.
Estagiárias: Silvana, Jurema e Marcha-Lenta.

Abraços e esparadrapos;

Dr. Gravatinha

segunda-feira, 5 de junho de 2017

Visita do dia 04.06.2017


Salve Salve a todos aqueles que acompanham os Andarilhos do Riso nas suas incríveis jornadas dominicais!!!! Hoje foi dia de muita alegria no IC-DF, e os palhaços-doutores mais queridos do mundo comandaram toda a diversão!!!!

Iniciamos nossa aventura às 15 horas após uma oração feita pelo Dr. Berinjela. Seguimos rumo aos impacientes, que aguardavam ansiosamente a nossa visita, dançando um forró pé de valsa com muito gingado!!!


No dia de hoje atendemos  a Zinara, que estava com seu incrível capacete de astronauta, fazendo um treinamento para ser a primeira pessoa a pisar no planeta Marte! E estava por lá também a Charlotte que gostou mais dos pirulitos do que das canções cantadas pelos Andarilhos. Mas também né, do jeito que a gente cantou desafinado, isso era de se esperar. Visitamos também a Srª Maria Borges, baiana gente boa que prometeu fazer uma porção de acarajés e convidar todos os membros dos Andarilhos para fazer um lanche na casa dela lá em Bom Jesus da Lapa. Vamos cobrar hein, Dona Maria! Visitamos também o Sr. Alcides que pediu para que cantássemos um rap, mas infelizmente nós não conhecíamos nenhum, foi aí que então ele cantou o tal do rap para nós. Era mais ou menos assim: "Drª Siriguela, cara de panela encontrou-se com a gaúcha Drª Fofuxa e se encantaram com a berinjeleza bela do Dr. Berinjela..." Gostamos muito dessa poesia, nota-se que ele é uma pessoa inteligente. Encontramos também o Sr. Manoel que afirmou ter sido um grande soldado da marinha, e ele nos contou que em um belo dia, ele acabou entrando de gaiato em um navio, só que ele havia entrado por engano, então rapidamente ele logo percebeu que havia entrado pelo cano. Disseram para ele: "Tá vendo essa sujeira bem debaixo dos seus pés? Pois deixe de moleza e vai lavando esse convés." Quando ele deu por si, ele já estava em alto mar, sem a menor chance nem maneira de voltar. Ele havia pensado que seria moleza, mas foi pura ilusão, conhecer o mundo inteiro sem gastar nenhum tostão. O navio passava por Liverpool, Baltimore, Bangkok e até pelo Japão, mas ele podia apenas descascar batata no porão. Que história hein, ficamos emocionados!!!!

Terminamos a nossa incrível jornada às 17:30h, cheios de disposição e prontos para outra!

No dia de hoje atendemos 09 amiguinhos na UTI Pediátrica, 08 na UTI Cirúrgica, 10 na UTI Coronariana e 38 na Enfermaria.

Estiveram presentes as Doutoras Siriguela, Fofuxa, Lunática, Marry e eu quem vos escreve, Doutor Berinjela.

Muito obrigado a todos que nos acompanharam. Foi uma tarde maravilhosa repleta de muita alegria e emoção. Nos vemos na próxima!

Um abraço a todos e que a alegria esteja com vocês!




segunda-feira, 29 de maio de 2017

Visita do dia 28.05.2017

Atenção, pessoal!

Chegou mais um domingo animado com a turma dos Andarilhos do Riso pelos corredores do IC. Neste domingo, 28, cheios de energia estavam os Doutores Vagalume e Pisca-Pisca, as doutoras estagiárias Risadinha (já tá batizada), Samyra (ainda sem batismo, correndo risco de ser apelidada pelos colegas. Inclusive, se tiver sugestões manda aí pra gente) e Silvana (que eu conto já do possível batismo dela) e este que vos escreve, o Dr. Tchan que já chegou levantando seu astral, balançando essa galera e requebrando bem legal. 

 Neste domingo, estivemos com 7 animados amigos na UCO, 10 na UTI Pediátrica, 9 na UTI Cirúrgica e 52 na enfermaria. Entre eles estava a dona Maria Lúcia que mal me viu e perguntou “Cadê seu chocolate?” Eu não sei quem é esse tal de Seu Chocolate, conheço ninguém com esse nome, mas ela insistiu que na páscoa ele tinha visitado ela e eu não discuti, né?




Por falar em visita, o Sr. Sírio estava recebendo a filha, que pediu para no próximo domingo levarmos um superbonder para colar o braço dele que já está há 5 meses quebrado. Solicitação anotada! Faremos essa “cirurgia” na próxima semana!


Mas o grande tema dessa semana foi o “mundo sertanejo”. Isso, porque o Sr. Valter contou para gente da época em que ele era laçador de boi. Ele derrubava os bichos pelo chifre! Contou até de um dia que a corda soltou, o boi arrastou saiu correndo, carregando e arrastando o Valter pelo cascalho até que ele conseguiu travar a corda, novamente, na porteira e o boi parou. O Valter ficou tão bravo que foi lá e deitou o boizão na mão mesmo! 

 E logo depois, entramos no quarto da dona Maria e da Larissa. A gente não vai dizer a idade da dona Maria, pra não ser indelicado, mas a Larissa tem só 14 anos e, mesmo com uma baita diferença de idade, ambas curtem as mesmas músicas sertanejas. Dona Maria pediu e cantamos uma das nossas músicas mais famosas, gravada pelo Zezé di Camargo & Luciano: É o Amor. Na sequência, a Larissa pediu pra cantarmos Milionário e José Rico! E a viola chorou forte, mesmo sem viola. Aliás, dona Maria disse que é obrigação um violeiro passar no quarto dela toda semana! Para fechar a cantoria, a Larissa ainda cantou conosco um pouquinho de Amado Batista. Aooooo coração xonado!

Falando em coração apaixonado, o Hugo Coração Mecânico mandou um beijo bem forte pra todo mundo que tá acompanhando ele e sua inseparável maleta da vida!

Agora, os recados finais:

1 – Dra. Estagiária Silvana foi chamada por um paciente (não revelarei fontes) de Dra. Marcha Lenta. Depois, foi chamada por outra de Dra. Fortaleza. Em um domingo anterior, chamaram de Dra. Sabe Tudo. Ajude os Andarilhos a batizá-la. Deixe aí nos comentários qual sua preferência!

2 – O Pisca foi chamado de lindo. Precisamos providenciar uns óculos para os pacientes, pessoal!

3 – Todo domingo, eu vou passando pelos corredores e as pessoas me pegando pelo braço. Vocês sabem por quê? Porque tudo que é perfeito a gente pega pelo braço.
Beijos cheios de suingue do Tchan!

domingo, 21 de maio de 2017

Visita dia 21/05/17



Mais um domingo de Andarilhos do Riso no IC (como é de costume há 10 anos), e dessa vez a gente estava a fim de desencalhar a doutora mais encalhada desse hospital, Dra Fofuxa – vulgo eu mesma.

E para acompanhar-me nessa façanha, estavam presentes as experientíssimas Dra Siriguela, Dra Rosa Marrie e Dra Sorriso, e os Dr já desencalhados Pierre e Juquinha.

Após a bela prece do Dr Pierre, seguimos rumo ao quinto andar, já na procura de muita gente sábia para compartilhar todos os segredos de um relacionamento de sucesso. 
E já na UCO, onde repousavam 8 especialistas em casamento, encontramos Maria dos Anjos, que não apenas manteve um casamento de muito sucesso, como também teve 34 filhos com o seu esposo! Isso mesmo que você ouviu! Mas calma, que da dona Maria mesmo, gestados e paridos, foram  17. Os outros 17 eram do primeiro casamento do Seu dos Anjos. Nem preciso dizer que as contas dos netos a gente perdeu no primeiro minuto (e dos bisnetos também).

Também encontramos Sírio de Deus, que estava muito bem acompanhado por seu genro. Conversa vai, conversa vem, de Deus nos disse logo como casou as filhas tudo. Bastou apontar a espingarda pros genros tudo, ordenando logo: ou casa, ou corre. Seu Sírio, muito sábio, disse logo é que falta uma espingarda aqui em casa também.

Na UTI Cirúrgica, encontramos 10 jovens amadores, que também compartilharam várias dicas de sucesso no amor. Além do respeito e do afeto, que tem que estar sempre quente, dona Maria José ensinou ainda que tem que ter forró dos bons, daqueles coladinho, pra lá e pra cá, de dançar a noite toda até anestesiar os pés. Assim não tem como o coração ficar só.

Na UTI infantil, 10 pequenos estavam curtindo a soneca, e por enquanto não sabem nada sobre essa coisa de casar não.
Subimos para a Enfermaria, onde nos aguardavam 54 pacientes cheios de amor para dar, e fomos logo entrando no quarto de quem entende. Dona Francisca e Dona Martinha compartilhavam o quarto e a experiência de vida. Chica fez, esse ano, 44 anos de casada, e você acha que Martinha deixou barato? Não mesmo! 45 anos grudadinha no galo véio dela, pensa você! E a receita? Você acha que elas dividiram com a gente? Claro que não! Disseram que só amando para saber.

E adivinha quem encontramos por lá também? Sim, o Aldivino! E nem conto pr’ocêsAldivino, acompanhado pela esposa, a filha e o neto, nos disse que tem um filho PRECISANDO desencalhar! Juntamos o útil ao agradável e dona Sogra já me disse que está me esperando para a pequizada de casamento no próximo sábado – e que será de muito bom gosto me ter como nora. Ficamos tão felizes que chamamos todo mundo pro casório.

E como festa boa é festa com música, chamamos a mais nova dupla do Feminejo brasileiro, Joelma e Juliana, para regar com cantoria a nossa tarde. Já de comida, aprendemos com Seu Francisco a fazer o melhor churrasco de alface com pimenta. Fechamos logo o Buffet com ele, e de sobremesa, para manter o nível, faremos um pudim de beterraba com cobertura de morangos.

E foi assim que acabamos o nosso domingo – com casamento arrumado e tudo. Agora é só chegar, estão todos convidados a comemorar esse fato histórico no próximo sábado, na cobertura do IC. Parece que está tudo certo (desde que o noivo não fuja). Inté lá então!

Dra. Fofuxa 


quarta-feira, 17 de maio de 2017

Visita do dia 14.05.2017





Senhoras e senhores, nesse dia das mães as nossas visitas começaram animadíssimas e com muitas gargalhadas. A preparação para a subida foi como de costume, mas nesse domingo teve algo diferente, teve um bocado de lembrancinhas feitos com muito amor por esses palhaços doidos para parabenizar todas as mães do hospital com direito a esmalte e tinta de palhaço para fazer desse dia um dia mais feliz.

O dia começou com uma bela oração da dra. Rapunzel para irmos direto para mais uma aventura, começando pelo quinto andar. Passamos pela UTI Pediátrica, onde todos os 9 baixinhos estavam calmos juntos de suas mamães. Fomos até a UTI Cirúrgica e Coronariana onde roubamos os sorrisos de 19 pacientes. Em um caso especial nós tínhamos quatro gerações de mamães unidas e todas davam um super apoio para a melhora da vovó, a única que não podia estar presente era a bisneta porque ainda era muito pequena para estar no hospital.

Em seguida subimos para o sexto andar para continuar com o nosso trabalho de quase Papai Noel entregando varias lembrancinhas para as mamães. Nesse domingo especial tivemos algo inédito acontecendo, váááááááááários estagiários sendo batizados e inclusive o Dr. Gravatinha que agora se chama Dr. Pão de mel. A Doutora Estagiária Lucélia agora é doutora Risadinha por causa de seu grande sorriso e pela sua incapacidade de não conseguir parar de sorrir. A Doutora Estagiária Vanessa foi batizada como Dra Trakinas e Dra. Kika por causa de suas incríveis e belas bochechas. Muito indecisa por qual nome adotar, ela ficou de dar uma resposta na próxima visita.

Tivemos o ilustre caso do paciente Antônio que com seus mais de 350 anos de vida nos contou o grande milagre que aconteceu com ele em meados dos anos 1670. O segredo para tanta jovialidade e experiência foi devido à um raio que caiu em sua cabeça nessa época e que preservou seu corpo por tanto tempo. Foi uma verdadeira aula de história.

Tivemos também a história de Dona Bernadete que queria que sua filha parasse de dar trabalho e a incentivou a casar, mas o tiro saiu pela culatra e Dona Bernadete disse que isso só fez foi piorar o trabalho que a filha dava.

Houve também um caso bíblico nessa visita, onde a mulheres dentro do quarto se multiplicavam assim como foram multiplicados os pães por Jesus, onde a cada momento surgia uma mulher diferente dentro do quarto vindo debaixo da cama, dentro da gaveta, atrás da TV, nas lâmpadas.


Essa visita foi, no mínimo, uma aventura daquelas bem grandes. Vários sorrisos foram roubados e muita  gente ficou feliz nesse dia especial que é o dia das mães. 

Dr. Burrito